14 de fev de 2017

Transferência de Tecnologia: uma missão do NPDEAS

Aqui no NPDEAS desenvolvemos tecnologia ambientalmente correta para tratamento de emissões, efluentes, resíduos sólidos e produção de energia. Além disso, trabalhamos com tecnologia de eficiência energética para redução do desperdício de energia. Nossas pesquisas são desenvolvidas com foco no produto final, ou seja, para a solução do problema real para a sociedade e setor produtivo. Priorizamos a TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA de modo a proporcionar um impacto positivo para a população.

Um exemplo bom disso é o SPI (Save Power Inverter), produto desenvolvido pelo NPDEAS, patenteado e licenciado para o mercado. Visite o site da empresa para conhecer detalhes do produto: http://www.spitech.com.br/.


Detalhes sobre o produto: Apresentação do SPI.

Essa tecnologia foi desenvolvida pelo Prof. José Vargas (Eng. Mecânica) em conjunto com vários alunos de mestrado. Recentemente o Eng. Carlos Pinnola aprimorou o equipamento em seu mestrado na Pós Graduação em Engenharia e Ciência dos Materiais (PIPE - UFPR).

Graças ao excelente trabalho do Alexandre Moraes, coordenador de Propriedade Intelectual da Agência de Inovação da UFPR, com apoio do Prof. André Bellin Mariano (Dep. Engenharia Elétrica e NPDEAS), o produto foi rapidamente licenciado para o mercado e encontra-se a disposição da sociedade.

O SPI é um equipamento de baixo custo que ao ser ligado a sistemas de ar condicionado: a) promove economia de mais de 50% de eletricidade, b) mantém a temperatura estável proporcionando conforto térmico, c) aumenta a durabilidade do sistema de refrigeração, d) diminui o ruído. Além da economia direta de energia, o produto promove uma tremenda diminuição na quantidade equivalente de CO2 produzido, melhorando, assim, o desempenho ambiental de qualquer empreendimento.

O equipamento foi testado em inúmeras condições aqui no Setor de Tecnologia da UFPR e também em empresas como a FURUKAWA de Curitiba. A redução no consumo nessa empresa em um equipamento de 5,5 TR (Toneladas de Refrigeração) foi de mais de 50%. Neste caso o consumo passou de 30 kWh/dia para 14,5 kWh/dia.



O SPI é o casamento perfeito entre SOFTWARE e HARDWARE com um detalhe importante: o equipamento é PLUG-AND-PLAY para um amplo conjunto de sistemas de refrigeração amplamente usados pelo mercado.
O NPDEAS acredita nesta tecnologia e prevê uma grande adesão a este sistema por parte de Organizações Governamentais, Prédios comerciais, Mercados, Data Centers, Agências Bancárias, Indústrias, Shoppings, Cinemas, Indústrias de Laticínios, Frigoríficos, Bares e Hotéis. A economia de eletricidade aumenta a competitividade das empresas proporcionando benefícios diretos e indiretos para todos especialmente em momentos de crises.

O NPDEAS vai continuar sempre trabalhando desta forma, ou seja, em contato direto com o setor produtivo para conhecer os reais problemas, propondo soluções viáveis em escala de engenharia com o envolvimento direto de professores, técnicos e alunos da UFPR. Entendemos que, desta forma, vamos promover o desenvolvimento do país com grande impacto social, econômico e ambiental.


Acompanhe o NPDEAS pelo Facebook: Npdeas - Soluções em Escala de Engenharia e pelo site www.npdeas.ufpr.br